HomeNotíciasGeralObservador Cetelem – Aumenta a utilização do subsídio de Natal para a compra de presentes

Observador Cetelem – Aumenta a utilização do subsídio de Natal para a compra de presentes


Portugueses vão aumentar os seus gastos neste Natal

 

Os dados recolhidos pelo estudo do Observador Cetelem Natal 2017 indicam um aumento consistente nos níveis de consumo dos portugueses nesta quadra festiva. Existe maior vontade de adquirir presentes e maior orçamento para alocar a esses gastos. Ainda assim, cresce o número daqueles que pretendem poupar, e a forma encontrada para o efeito é reservar a compra de prendas para as crianças e familiares mais próximos.

 

As conclusões do Observador Cetelem Natal 2017 quanto às tendências de consumo para esta época do ano indicam que, em média, os portugueses tencionam gastar 252€. Deste valor, 53% destina-se a presentes, num total de 134€. Neste caso, verifica-se um aumento face a 2016, quando o valor médio previsto pelos consumidores nacionais para dispender no Natal se situou nos 211€.

 

Este ano, assiste-se mesmo a uma crescente intenção de aquisição de prendas neste Natal. Pelo menos é o que asseguram 95% dos inquiridos, um aumento de 15% em relação a 2016.

 

Os números do Observador Cetelem indicam ainda que as mercearias representam a segunda fatia dos gastos, mais concretamente 34%, seguidos dos valores a dispender destinados a compras sazonais, como decorações de natal (8%), e férias no final de do ano (5%).

 

Apesar desse aumento nos gastos médios e da maior motivação para adquirir prendas, 30% dos inquiridos pretendem reduzir os gastos, mais 5 pontos percentuais que em igual período do ano passado. Destes, 83% referem que a forma encontrada é cingirem-se à oferta de prendas às crianças e aos familiares mais próximos.

 

Por fim, a generalidade dos portugueses já terá iniciado a aquisição de prendas natalícios. Pelo menos, e segundo o Observador Cetelem, 68% dos inquiridos previram efetuar as suas compras entre duas semanas e um mês antes do Natal, num aumento de 8 pontos percentuais em relação ao ano transato.

 

O Observador Cetelem Natal 2017 tem por base uma amostra representativa de 600 indivíduos residentes em Portugal Continental, de ambos os géneros e com idades compreendidas entre os 18 e os 65 anos. Estes foram entrevistados telefonicamente, com informação recolhida por intermédio de um questionário estruturado de perguntas fechadas. O trabalho de campo foi realizado pela empresa de estudos de mercado Nielsen, entre os dias 23 setembro a 6 de outubro, e um erro máximo de +4,0 para um intervalo de confiança de 95%.

 

Sobre o Cetelem

Cetelem é a marca do Banco BNP Paribas Personal Finance e está presente em Portugal desde 1993. Líderes europeus, estamos presentes em 30 países de 4 continentes, empregando mais de 28 mil pessoas.

Em Portugal contamos com cerca de 650 colaboradores e servimos mais de 1,2 milhões de clientes e mais de 2800 parceiros de negócio. Cartões de crédito, crédito pessoal, soluções automóvel e seguros são os principais produtos comercializados pelo Cetelem e estão disponíveis aos consumidores no site, telefonicamente e nos estabelecimentos comerciais dos principais players da distribuição especializada em Portugal, além de serem disponibilizados nas nossas lojas em Vila Nova de Gaia e no Centro Comercial Colombo, em Lisboa.

 

 

pdf icon PR-04DEZ-Portugueses-vão-aumentar-os-seus-gastos-neste-Natal.pdf