HomeLifestyleEventosGoogle actualiza políticas para revendedores de bilhetes para eventos

Google actualiza políticas para revendedores de bilhetes para eventos

A partir de hoje, a Google aperta as suas regras e exige que todos os revendedores de bilhetes de eventos sejam certificados e que aumentem radicalmente a sua transparência. Estas medidas vão proporcionar aos utilizadores uma maior clareza sobre o revendedor de bilhetes e o custo total destes mesmos bilhetes, incluindo quaisquer taxas associadas.
 
Nova actualização das políticas para revendedores de bilhetes para eventos


Post de David Graff, Senior Director, Trust & Safety, Global Product Policy 
 O Google é, muitas vezes, a primeira paragem para adeptos de desporto, fãs de musica e de teatro pesquisarem por bilhetes e informações acerca dos próximos eventos, espectáculos e concertos. Esforçamo-nos por ligar estas pessoas a resultados relevantes e precisos e estamos empenhados em oferecer a melhor experiência possível ao utilizador.
 Muitos espaços vendem bilhetes directamente e alguns usam revendedores para ajudar, facilitando assim, a obtenção dos lugares desejados. Infelizmente, alguns revendedores disponibilizam uma transparência limitada nos seus anúncios em relação aos custos dos bilhetes e comissões, bem como a sua associação a um local ou evento específico. A falta de transparência pode prejudicar a confiança no ecossistema de bilhetes on-line e torna mais difícil para as empresas chegarem aos clientes.
 
Na nossa plataforma, apenas queremos empresas que ofereçam uma excelente experiência de utilizador. A partir de hoje, estamos a apertar as nossas regras e vamos exigir que todos os revendedores de bilhetes de eventos sejam certificados e que aumentem radicalmente a sua transparência. Estas medidas vão proporcionar aos utilizadores uma maior clareza sobre o revendedor de bilhetes e o custo total destes mesmos bilhetes, incluindo quaisquer taxas associadas.
 
Para a certificação da Google, o revendedor de bilhetes de eventos tem de obedecer aos seguintes requisitos: 
  • Não passarem a ideia de que são o mercado primário
  • Revelar, de forma proeminente, que são revendedores de bilhetes / mercado secundário
  • Revelar, de forma proeminente, que os preços podem estar acima do valor original
  • Disponibilizar o valor total, bem como os detalhes do preço (preço do bilhete + taxas + comissões, por exemplo) antes de pedir dados de pagamento aos utilizadores
  • A partir de Março de 2018, os revendedores também vão ter de disponibilizar o valor nominal dos bilhetes juntamente com o preço do revendedor e ambos os preços devem ser apresentados na mesma moeda.
Esta actualização de políticas resulta de análise interna bem como de comentários que obtivemos de utilizadores, anunciantes, parceiros e grupos terceiros da indústria. De modo a que os anunciantes se pudessem adaptar e preparar para esta mudança anunciámos esta alteração na nossa página de políticas do AdWords no passado mês de Novembro.  
 
De acordo com Charlotte St. Martin, president of The Broadway League, “O passo enorme da Google na protecção do consumidor é de grande importância para os membros da indústria. Apoiamos vivamente que os brokers que publicitam os bilhetes da Broadway nas suas plataformas divulguem quando não são parceiros oficiais a e que descriminem os custos antes de receberem o respectivo pagamento.”
 
Transparência, confiança e segurança para os nossos utilizadores são e vão continuar a ser as principais prioridades para a Google. Continuamos dedicados a garantir que os anúncios que os nossos utilizadores veem são úteis, relevantes e confiáveis.