HomeNotíciasGeralKaspersky Industrial CyberSecurity for Energy – a nova solução para proteger infraestruturas industriais

Kaspersky Industrial CyberSecurity for Energy – a nova solução para proteger infraestruturas industriais

  • 92% dos dispositivos ICS (Industrial Control Systems) utiliza protocolos de ligação à internet inseguros e abertos. Número de vulnerabilidades é agora 10 vezes maior que em 2010;
  • Está já disponível a nível global o Kaspersky Industrial CyberSecurity for Energy – um serviço avançado e vertical para empresas energéticas, baseado no conjunto de proteções da Kaspersky Lab para infraestruturas verticais

 

As redes de energia elétrica moderna são redes complexas, com automação integrada e controlo de funções. Contudo, uma vez que a comunicação é feita através de protocolos abertos, não existem funções internas e suficientes ao nível da cibersegurança para combater o crescente e sofisticado conjunto de ameaças de segurança que enfrentam.

 

O recente relatório da Kaspersky Lab sobre a cibersegurança industrial descobriu que 92% dos dispositivos dos sistemas de controlo industrial externos disponíveis (ICS) utilizam protocolos de conexão à Internet abertos e inseguros. Desde 2010, o número de vulnerabilidades das componentes-ICS também aumentou 10 vezes, fazendo destes dispositivos um fácil e lucrativo target para os hackers. O desafio das empresas energéticas é, portanto, claro, sobreudo se tivermos em conta o mais recente Inquérito Global de Informação de Segurança da Ernst & Young, que mostra que 42% das empresas de energia e serviços elétricos admite que é pouco provável que sejam capazes de detetar um ataque sofisticado.

 

O Kaspersky Industrial CyberSecurity for Energy (KICS) foi desenvolvido para ajudar empresas energéticas a estar em segurança em cada uma das camadas das suas infraestruturas industriais, sem que a continuidade operacional e a consistência dos processos tecnológicos sejam afetados. A solução da Kaspersky Lab protege os centros de controlo SCADA (Supervisão, Controlo e Aquisição de Dados) e cada nível dos sistemas de automação incluindo servidores, HMI, Gateways, estações de trabalho de Engenharia. O mesmo acontece com os equipamentos de automação secundários: Protection relays, Bay Controllers, Merging units, RTU e outros bus de subestações, de IED de processos e redes globais da infraestrutura.

 

A solução oferece uma variedade de tecnologias avançadas com o objetivo de proteger os nodos industriais (incluindo Servidores, HMI, Gateways e estações de trabalho de Engenharia) e as redes da infraestrutura. Oferece ainda a monitorização da rede e a verificação da integridade graças à aplicação de um protocolo de inspeção (incluindo IEC 60870-5-104, IEC 61850, e outros standards e protocolos para as infraestruturas de energia elétrica).

 

“A automação do equipamento das energias elétricas, o controlo e a proteção já não são controlados por sistemas fechados e, como as coisas estão, detetar uma possível ameaça é extremamente difícil, tanto ao nível técnico como ao nível organizacional,” comenta Alfonso Ramírez, Diretor Geral da Kaspersky Lab Iberia. “É por isso que as empresas energéticas precisam de reforçar as suas defesas para combater os crescentes e prevalentes ciberataques e evitar o cenário de perda completa de serviços e o impacto que isso teria nos cidadãos e na sociedade em geral.”

 

doc icon 170329-Kaspersky-Industrial-CyberSecurity-for-Energy-PT.docx