HomeNotíciasGeralSchneider Electric lança ao nível global uma política de conciliação familiar que dá resposta às diferentes necessidades e estilos de vida dos seus colaboradores

Schneider Electric lança ao nível global uma política de conciliação familiar que dá resposta às diferentes necessidades e estilos de vida dos seus colaboradores

Comunicado de Imprensa                      

Schneider Electric lança ao nível global uma política de conciliação familiar que dá resposta às diferentes necessidades e estilos de vida dos seus colaboradores

  • A Schneider Electric irá proporcionar, em todos os países onde está presente, licenças remuneradas de maternidade e paternidade, para cuidados ou em caso de falecimento de familiares, demonstrando assim o seu compromisso com a diversidade e inclusão.
  • A Schneider Electric Portugal, que é já uma referência no setor em medidas de conciliação e flexibilidade, irá continuar a apostar em novas medidas que favorecem a criação de ambientes de trabalho que ajudem o pleno crescimento e desenvolvimento dos seus colaboradores. 

Lisboa, 03 de novembro de 2017 Schneider Electric, o líder na transformação digital da gestão de energia e automação, anunciou a implementação à escala internacional de uma política comum de conciliação familiar – “Global Family Leave”-, o que a torna numa referência no seu setor e reforça o seu compromisso para com a diversidade e inclusão. Esta nova política irá apoiar os colaboradores da Schneider Electric em todo o mundo, proporcionando-lhes tempo pessoal remunerado durante os momentos mais importantes e permitir que estes possam conciliar da melhor forma a sua vida pessoal e o trabalho.

 

A Schneider Electric na zona ibérica tem sido pioneira na implementação de medidas de conciliação e flexibilidade no país, aumentando as semanas de licença de maternidade e paternidade acima do que é estabelecido por lei, mas também ao apostar em políticas de teletrabalho, horários flexíveis e bem-estar, o que contribuiu para posicionar a empresa entre as empresas mais atrativas para trabalhar e com um maior índice de retenção de talento em Portugal e Espanha. Em casos como o de Portugal, em que as medidas a implementar superam as estabelecidas pelo acordo global, permanecem aquelas que mais beneficiam o colaborador e paralelamente serão aprofundadas novas medidas que favoreçam o equilíbrio total dos seus colaboradores a nível pessoal e profissional.

 

A nível internacional, a Schneider Electric, que opera em mais de uma centena de países com realidades distintas, estabelece através desta política os seguintes benefícios tendo em conta os padrões mínimos a nível global:

 

  • 12 semanas para o progenitor primário (quer pelo nascimento natural ou adoção)
  • 2 semanas para o progenitor secundário (quer pelo nascimento natural ou adoção)
  • 1 semana para cuidar de um familiar direto que necessite de cuidados pela idade avançada ou condição de saúde grave
  • 1 semana de luto pelo falecimento de um familiar direto.

 

Estas políticas contemplam etapas de vida fundamentais, como dar as boas vindas a um novo membro da família, cuidar de familiares doentes ou idosos e fazer o luto pela perda de um membro da família direto. Também assume uma definição inclusiva de família, ao proporcionar o mesmo período de licença parental, quer se trate de um nascimento natural ou adoção. A Schneider Electric proporcionará todos os recursos necessários, em todos os seus escritórios, em todo o mundo, para assegurar a compreensão e o apoio destas políticas por parte dos líderes e colaboradores.  

 

A diversidade e inclusão são parte integrante do que somos e do que nos diferencia. É assim que impulsionamos a inovação, o compromisso e o elevado desempenho”, diz Olivier Blum, Chief Human Resources Officer Executive Vice President de Schneider Electric. “Sinto-me orgulhoso por ser uma referência no setor ao estabelecer esta política de licenças familiares, o que reforça o nosso objetivo de proporcionar igualdade de oportunidades a todos, em qualquer parte, e de garantir que todos os colaboradores se sintam valorizados e seguros para contribuir ao máximo”.

 

A política será implementada gradualmente, em mais de 40 países, a partir de janeiro de 2018 e com uma implementação global em janeiro de 2019. Se o requisito legal ou a prática atual de um país superar os padrões mínimos, serão seguidas as políticas com mais benefícios para os colaboradores.

  

Sobre a Schneider Electric

A Schneider Electric lidera a Transformação Digital na Gestão de Energia e Automação em Habitações, Edifícios, Centros de Dados, Infraestruturas e Indústrias.

 

Com uma presença global em mais de 100 países, a Schneider é líder incontestável na gestão de energia – em Média e Baixa Tensão, Alimentação Elétrica Segura e em Sistemas de Automação.

 

Fornecemos soluções de eficiência integrada que combinam energia, automação e software. No nosso Ecossistema global, colaboramos com a maior Comunidade de Parceiros, Integradores e Programadores através de uma Plataforma Aberta para proporcionar controlo em tempo real e eficiência operacional.

 

Acreditamos que bons colaboradores e parceiros fazem da Schneider uma grande empresa e que o nosso compromisso com a Inovação, Diversidade e Sustentabilidade garantem que Life Is On em qualquer lugar, para todos e em todos os momentos.

www.schneider-electric.pt

 

pdf icon 03-11-2017-Schneider-Electric-lança-a-nível-global-uma-política-de-conciliação.pdf