HomeActualidadeEmpresaGRID: ENGENHARIA PORTUGUESA NA PONTE QUE LIGA O SENEGAL À MAURITÂNIA

GRID: ENGENHARIA PORTUGUESA NA PONTE QUE LIGA O SENEGAL À MAURITÂNIA

GRID responsável pela conceção de mais um elo no corredor Transafricano

A GRID, empresa de engenharia portuguesa com 38 anos de existência e uma das empresas do projeto Portugal Steel da CMM, foi responsável pela conceção da Ponte do Rosso, que irá ligar no futuro próximo o Senegal à Mauritânia, incluindo as vias de acesso.

A GRID tendo ganho o concurso internacional promovido pelo BAD – Banco Africano de Desenvolvimento, foi responsável pela elaboração de todos os projetos/estudos (traçado, pavimentação, geotecnia, hidráulicos, ambiente, socio-económicos e de estruturas) e ainda pela assessoria ao Dono de Obra na preparação da elaboração do processo de concurso conducente à construção da Ponte do Rosso, análise de propostas e acompanhamento técnico durante a execução da obra, incluindo a análise técnica dos estudos de execução da proposta vencedora.

O processo de concurso para a execução dos trabalhos de construção da Ponte do Rosso sobre o rio Senegal, irá ser despoletado ainda durante o ano de 2018, sendo que o prazo de construção previsto é de 40 meses.

A Ponte do Rosso, insere-se no corredor transafricano (Tanger-Nouakchott-Dakar), e é uma infraestrutura de particular importância para a ligação e desenvolvimento das trocas comerciais, não só entre a Mauritânia e o Senegal, como também e fundamentalmente, com os países do Magreb, nomeadamente com Marrocos, onde esta ligação assume um papel fundamental em termos do desenvolvimento sustentado do Senegal no futuro próximo.

Este projeto é financiado pelo BAD, BEI, orçamento dos Estados do Senegal e Mauritânia, além duma subvenção da EU. O custo estimado da construção deste projeto é de cerca de 90 milhões de euros.

O projeto, agora concluído, inclui a Ponte de Rosso e viadutos de acesso, com cerca de 1.500m de comprimento total, assim como as vias de acesso nos dois países, praças fronteiriças e as ligações rodoviárias às vias existentes num total de cerca de 9km de extensão de rede rodoviária.

Para Rui Reis, membro da Comissão Executiva da GRID, “esta obra assume particular relevância para a nossa empresa, dado que vem consolidar a presença da GRID no mercado da África Oeste, confirmando assim a GRID West Africa como uma empresa de referência neste espaço geográfico”.

SOBRE A GRID INTERNATIONAL

A GRID International – Consulting Engineers é uma empresa de Engenharia Civil, que abrange as vertentes de Projeto, Consultoria e Assessoria Técnica à Fiscalização e Construção e Gestão de Empreendimentos.

A GRID desenvolve a sua intervenção no domínio da Engenharia, com especial enfoque na área das Estruturas Especiais, quer em betão, armado e/ou pré-esforçado, quer em estruturas metálicas ou mistas. A GRID concebe e desenvolve ainda todos os projetos complementares e afins ao seu “core business”, através do estabelecimento de parcerias com empresas nacionais e internacionais

A GRID está fisicamente presente em 5 países/regiões: Portugal, França, Macau, África Austral e África Oeste, estando neste momento a iniciar o processo do seu estabelecimento no Magreb, em Marrocos- Casablanca.

A GRID iniciou a sua atividade em Portugal no ano de 1980, tendo desenvolvido a sua atividade em Portugal, e internacionalmente em cerca de 40 países, quer no continente Europeu, onde estrategicamente tem garantido uma penetração significativa, como nos continentes Americano, Africano e Asiático, mais uma vez e sempre, tendo como princípio o regime do estabelecimento de parcerias locais.

O universo das empresas GRID, faturou cerca de 3.5M€ em 2017, 70% dos quais dizem respeito à atividade das empresas no mercado internacional, consolidando assim os objetivos já atingidos nos exercícios anteriores.

SOBRE O PORTUGAL STEEL
Criado pela CMM – Associação Portuguesa da Construção Metálica e Mista em parceria com empresas de relevo no setor da construção metálica nacional, o Portugal Steel é um projeto que pretende fazer a promoção e divulgação do setor da construção metálica nacional, através do reconhecimento dos benefícios da construção metálica e das vantagens decorrentes de uma aposta estratégica neste setor, assim como potenciar a internacionalização da construção metálica nacional.

A Unimagem compromete-se em respeitar a confidencialidade e segurança dos seus dados pessoais.

Para continuar a receber as nossas comunicações não precisa fazer nada.

Caso pretenda remover os seus dados poderá fazê-lo neste link.