HomeActualidadeAdecco celebra dois anos de parceria com Sociedade de Debate da Universidade de Lisboa

Adecco celebra dois anos de parceria com Sociedade de Debate da Universidade de Lisboa

Lisboa, 7 de maio de 2019 – A Adecco e a Sociedade de Debate da Universidade de Lisboa (SDUL) celebram dois anos de parceria, com resultados de sucesso no que diz respeito ao estímulo e suporte no desenvolvimento das soft skills necessárias aos jovens estudantes, finalistas e recém-licenciados para o mercado de trabalho.

Com 48 debates, 10 formações, 2 conferências e 2 torneios (um nacional e outro interno) realizados só entre Setembro e Dezembro de 2018, na atual gestão da SDUL, que iniciou a Maio de 2018 e findou em maio deste ano, foram vários os jovens que já passaram pelo núcleo deste projeto, e que beneficiaram das mais valias que esta iniciativa proporciona aos jovens em término de licenciatura ou mestrado e recém-licenciados.

A Adecco tem participado ativamente enquanto sponsor da SDUL, fomentando a possibilidade de catalisar os jovens para o conhecimento e o desenvolvimento pessoal, estimulando o networking, apoiando na participação dos jovens da SDUL em torneios internacionais e colocando à disposição os seus serviços de recrutamento temporário e de outsourcing.

Rui Lemos, Presidente da SDUL, afirma que “este projeto, criado em 2013 no seio do Instituto Superior de Ciências Sociais e Politicas (ISCSP) e que hoje está constantemente em expansão, como para a Faculdade de Medicina Dentária e a Faculdade de Medicina, sendo as faculdades com mais atividade o lSCSP, o ISEG, a FCUL, a FLUL e o FPIE. A SDUL tem sido crucial no desenvolvimento das capacidades argumentativas, oratórias, linguísticas e de relacionamento interpessoal dos jovens estudantes, abrindo horizontes e capacitando-os para o mercado de trabalho. Envolve uma média positiva de 40 participantes por semana.”.

É por estas razões que a Adecco faz questão de ser um parceiro e de contribuir com a sua experiência para o desenvolvimento destes jovens no mundo do trabalho.

SDUL abre portas a novas oportunidades e ao Talento
Cláudia Silva, 22 anos e natural de Lisboa, trabalha presentemente em Cracóvia, na Polónia, como Content Reviewer para a Majorel num dos projetos que têm com a Google. Durante a sua experiência universitária, período em que esteve mais intensamente envolvida com a SDUL, esteve diretamente ligada a atividades (estágios, conferências, …) da área de Relações Internacionais. “Quando, em setembro, surgiu a oportunidade para vir para Cracóvia, decidi aproveitar, mesmo não sendo a minha área. Desde aí, descobri que me sinto melhor, mais realizada, mais saudável e mais feliz, a trabalhar numa corporação e estou a tentar avançar para áreas de management.” Afirma a Cláudia que foi presidente do polo da Ajuda da SDUL, entre 2015 e 2016, altura em que deixou a direção embora envolvida nas atividades regulares, nos torneios, mesmo até dando algumas formações.

De acordo com Claudia, e a propósito do contributo que a SDUL tem na vida dos jovens, “acredito que o debate promove só por si uma curiosidade pelo mundo que nos rodeia e uma capacidade de o enfrentar, venha o que vier. Durante estes 4 anos de ligação à SDUL, aprendi a expandir a minha mundivisão: li sobre inteligência artificial, psicologia e economia, mas também sobre desporto, arte e cultura. Isto permitiu-me estar à vontade com desafios muito diferentes e a conseguir encontrar sempre uma maneira de lidar com eles, usando o conhecimento transversal que fui ganhando. Deste modo, não só o treino de soft skills variadas que a SDUL sempre promoveu me ajudou a passar fases de recrutamento para estágios e empregos variados, mas também me permitiu diminuir significativamente o meu desconhecimento sobre várias coisas com que não lidava no dia-a-dia.”

Sobre o suporte da Adecco, Claudia salienta que “o apoio para a nossa participação em torneios internacionais. Sei que se, ao longo da licenciatura, não se tivesse tornado natural viajar que a decisão de vir para a Polónia teria sido muito mais difícil. A SDUL esteve sempre lá a acompanhar-me com a força que tem enquanto organização e enquanto “família” também porque podia contar com o apoio da Adecco.”

Miguel da Silva Ramos, 29 anos e também natural de Lisboa é hoje Management Associate na Teleperformance Portugal. Após a sua experiência na SDUL, Miguel trabalhou como Business Manager numa consultora de IT seguindo-se a passagem para a Teleperformance como Management Associate onde já assumiu a posição de liderança de uma equipa de apoio à gestão do departamento de Recrutamento.

Na SDUL Miguel manteve sempre uma participação ativa nas suas atividades semanais, em torneios de debate e na própria direção. Participou em mais de 20 torneios de debate, quer como Debater, quer como Júri e foi a cerca de 15 fases finais. Enquanto parte da direção, iniciou como responsável pelo Marketing da SDUL, foi Presidente da Direção durante um mandato e ainda Presidente da MAG.

De acordo com Miguel, “a SDUL teve um papel fundamental para a minha rápida evolução profissional. Permitiu-me adquirir as capacidades fundamentais para o mercado de trabalho como a análise rápida dos problemas de várias perspetivas, de fundamentar e defender a nossa posição, de síntese e organização, de explicação simples de conceitos complexos em contexto de reuniões de equipa ou com diretores, bem como a minha capacidade de liderança e coordenação e motivação de equipas heterogéneas em múltiplos projetos simultâneos (graças à minha experiencia como presidente da direção).

E acrescenta que “o apoio da Adecco é muito importante para o sucesso da SDUL porque além de nos dar um maior contacto com o mundo profissional através da participação ativa nos nossos eventos, ainda permite que a SDUL consiga comparticipar despesas de deslocação, alimentação e estadia em torneios Nacionais e Internacionais, o que é fundamental para desenvolver as nossas capacidades e alargar a nossa rede de contactos que pode ser muito útil anos mais tarde.”

Carla Rebelo, CEO da Adecco Portugal, afirma “tem sido muito gratificante para a Adecco, estar envolvida num projeto estimulante como a SDUL. E para mim em especial, que tenho estado muito envolvida, com estes debates e estas sessões semanais em que assisto ao treino prático em soft skills. É fundamental existirem estas iniciativas nas universidades, que aproximam os estudantes da realidade empresarial, que os treinam de forma prática e os capacitam para uma evolução profissional que é essencial para terem sucesso no mundo corporativo”.