HomeActualidadePartilha de espetro da Ericsson liga continentes, redes ativas e dispositivos 5G

Partilha de espetro da Ericsson liga continentes, redes ativas e dispositivos 5G

 

·        Uma data call ligou Berna, na Suíça, à Costa Dourada, na Austrália, recorrendo à partilha de espetro da Ericsson em redes comerciais ativas de 5G e smartphones 5G do tipo comercial

·        O marco assinala a capacidade de partilha dinâmica de espetro suportar smartphones 5G, o que permite que as operadoras lancem rapidamente serviços de 5G e que expandam a respetiva cobertura

·        A Ericsson, juntamente com outros líderes do setor, nomeadamente a OPPO, a Qualcomm Technologies, a Swisscom e a Telstra, avançam em direção à partilha dinâmica de espetro comercial

 

A partilha de espetro comercial da Ericsson (NASDAQ: ERIC) continua a intensificar-se, através de testes bem-sucedidos resultantes de uma data call realizada a partir de diferentes pontos do globo, por via de redes comerciais ativas de 5G e um smartphone do fabricante chinês OPPO – recentemente adicionado ao ecossistema de 5G. Os líderes de setor deste ecossistema, nomeadamente a Qualcomm Technologies (subsidiária da Qualcomm Inc.), a Swisscom e a Telstra, também desempenharam um papel fundamental no marco, destacando-se o valor da partilha dinâmica de espetro para o setor.

Primeiramente, a data call realizada a 29 de novembro ligou Berna, na Suíça, à Costa Dourada, na Austrália, com a partilha de espetro da Ericsson implementada nas redes comerciais de 5G da Swisscom e da Telstra, nos respetivos locais. A chamada foi concretizada com a partilha de espetro numa banda de Divisão de Frequência Duplex (FDD) 3GPP. Os smartphones 5G pré-comerciais da OPPO, por via dos sistemas Snapdragon™ X55 5G Modem-RF da Qualcomm®, foram utilizados pelos interlocutores da chamada. A OPPO é o primeiro fabricante de dispositivos 5G a implementar a partilha de espetro da Ericsson nos respetivos smartphones.

O sucesso desta chamada valida o suporte desempenhado pela Ericsson na partilha de espetro em todo o ecossistema de 5G, desde conjuntos de circuitos integrados a dispositivos 5G, bem como os produtos e as soluções de rede das operadoras de serviços de comunicação. O fortalecimento do ecossistema é mais um passo para a introdução comercial por parte da Ericsson da sua partilha de espetro.

A partilha de espetro da Ericsson, que faz parte do sistema de rádio da Ericsson, é uma solução completa de partilha dinâmica de espetro baseada na norma 3GPP com algoritmos de agendamento inteligente adicionais. Tal permite a implementação de 4G e 5G na mesma banda através de uma atualização de software e atribui espetro de forma dinâmica com base na procura dos utilizadores. A passagem do 4G para o 5G ocorre em milissegundos, minimizando o desperdício de espetro e permitindo o melhor desempenho possível ao utilizador.

Esta inovação única da Ericsson permitirá que as operadoras lancem rapidamente serviços de 5G numa vasta área e que expandam sucessivamente a cobertura de 5G à medida de cada caso, ao reutilizarem a infraestrutura de rede existente e tirando partido de investimentos anteriores no espetro. As operadoras de comunicação podem, assim, fornecer serviços comerciais e direcionar-se para a autonomização do 5G, sem ser necessário um reinvestimento dispendioso.

 

Fredrik Jejdling, Vice-Presidente Executivo e Head of Networks da Ericsson, afirma: “esta inovação no setor destaca o valor que a partilha de espetro da Ericsson tem para as operadoras de serviços de comunicação, à medida que estas implementam e aceleram a integração do 5G. Ao atingir este marco, em colaboração com os nossos parceiros do ecossistema de 5G (OPPO, Qualcomm Technologies, Swisscom e Telstra), demonstramos que a nossa solução única não só permitirá às operadoras reutilizar os respetivos ativos de espetro de 4G para o 5G, como também dará suporte a todos os dispositivos de 5G. É a forma mais economicamente exequível de lançar o 5G nas bandas existentes, permitindo uma cobertura a nível nacional e ajudando a tornar o 5G acessível em todo o mundo”.

Andy Wu, Vice-Presidente e Presidente da Unidade de Negócios de Engenharia de Software da OPPO, refere: “na qualidade de empresa de tecnologias líder a nível global, a OPPO trabalha de forma proativa para acelerar a comercialização do 5G em grande escala. A nossa cooperação com a Ericsson, a Qualcomm, a Swisscom e a Telstra, com vista à utilização comercial da tecnologia de partilha dinâmica de espetro (DSS) faz parte das amplas colaborações entre estas cinco empresas, na era do 5G. Os smartphones 5G que suportam esta tecnologia proporcionarão ligações mais estáveis, integradas e velozes e, por conseguinte, uma melhor experiência do utilizador no futuro”.

Enrico Salvatori, Vice-Presidente Sénior e Vice-Presidente da Qualcomm EMEA, afirma: “a cobertura é a próxima aplicação essencial de 5G, que se assume como mais um marco significativo e que nos direciona para a cobertura universal de 5G. A partilha dinâmica de espetro proporcionará importantes vantagens globais para as operadoras e consumidores a nível global. Além disso, o nosso sistema Snapdragon X55 5G Modem RF de segunda geração é uma solução abrangente, concebida para permitir que os fabricantes de equipamentos desenvolvam rapidamente dispositivos multimodais de 5G global para uma nova era de experiências de ligação”.

Christoph Aeschlimann, Membro do Conselho Executivo e Chefe de TI, Redes e Infraestruturas da Swisscom, declara: “estamos muito entusiasmados por atingir com os nossos parceiros mais um marco em matéria de 5G. A primeira chamada internacional de partilha dinâmica de espetro da Ericsson constituiu o passo seguinte na nossa caminhada em direção ao 5G. Tal apenas foi possível com uma equipa muito experiente, constituída por um operador, um fornecedor e um fabricante de conjuntos de circuitos integrados e equipamentos telefónicos com experiência comprovada de 5G”.

Channa Seneviratne, Responsável Executiva de Infraestruturas de Redes e Engenharia da Telstra, afirma: “a mais recente colaboração dos parceiros do setor cimenta o caminho para uma implementação mais rápida do 5G, ao utilizar os suportes existentes do espetro para satisfazer as necessidades dos clientes de 4G e 5G, no mesmo local e ao mesmo tempo. Esta implementação coletiva é mais um exemplo inovador de como a tecnologia 5G continua a progredir de forma rápida. Na Telstra temos o prazer de fornecer à população australiana a tecnologia mais recente em primeira mão”.

 

A Ericsson atingiu vários pontos marcantes no que respeita ao 5G, tendo contado com o envolvimento de todos os parceiros.

A Swisscom, que tem a Ericsson como única fornecedora de 5G, foi a primeira operadora de serviços de comunicação na Europa a lançar serviços comerciais de 5G, em abril de 2019, na banda de 3,6 GHz. A Swisscom pretende chegar a 90% da população até ao fim de 2019.

A Telstra, que tem a Ericsson como principal parceira de redes, ativou os seus serviços comerciais de 5G e lançou quatro dispositivos 5G em maio de 2019, na banda de 3,6 GHz. Atualmente, a Telstra tem disponíveis seis dispositivos 5G em 25 cidades da Austrália, e chegará a mais 10 cidades até 30 de junho de 2020.

 

 

Notícias relacionadas:

A Ericsson, a Swisscom e a Qualcomm aproximam a partilha de espetro de 5G comercial
Progresso assinalado com uma data call 5G utilizando partilha dinâmica de espetro para acelerar as implementações de 5G a nível nacional
Ericsson e Swisscom pioneiras no 5G comercial europeu
Ericsson, Swisscom, Qualcomm e OPPO premiadas pela implementação do 5G na Europa
A Ericsson e a Telstra realizam a primeira chamada autónoma de 5G de costa a costa na Austrália
A Ericsson e a Telstra anunciam parceria para a implementação do 5G
5G da Ericsson ativo na Suíça

 

 

Ligações relacionadas:

Partilha de espetro da Ericsson
Partilha de espetro da Ericsson: o desafio e a solução
Descubra mais sobre o 
5G da Ericsson

Sistema de rádio da Ericsson
Rede de núcleo da Ericsson
Descubra mais sobre 
outros contratos de 5G da Ericsson publicamente anunciados
Descubra mais sobre as 
parcerias da Ericsson no âmbito do 5G
Saiba mais sobre os
estudos de caso de utilização do 5G da Ericsson

 

SOBRE A ERICSSON

A Ericsson permite que os fornecedores de serviços de comunicação desfrutem do valor total da conectividade. O portfólio da empresa abrange Redes, Serviços Digitais, Serviços de Gestão e Negócios Emergentes e foi projetado para ajudar os clientes na transformação digital, aumentar a eficiência e encontrar novos fluxos de receita. Os investimentos da Ericsson em inovação proporcionaram os benefícios dos dispositivos e da banda larga móvel a milhões de pessoas em todo o mundo. As ações da Ericsson estão listadas na Bolsa de Valores de Estocolmo (Nasdaq Stockholm) e na Bolsa de Valores de Nova Iorque (Nasdaq New York). www.ericsson.com

doc icon PR-Ericsson-5G-Partilha-de-espetro.docx