HomeActualidadeProteger a identidade: Kaspersky junta-se a designer de jóias para salvaguardar dados biométricos

Proteger a identidade: Kaspersky junta-se a designer de jóias para salvaguardar dados biométricos

Pode uma pessoa continuar a utilizar autenticação biométrica nos seus dispositivos sem se preocupar com que possam roubar os seus dados ou usá-los para fins mal-intencionados? Para responder a esta pergunta, a Kaspersky associou-se a um designer de acessórios 3D de Estocolmo e juntos criaram uma peça única de joalharia que une tecnologia e arte: um anel que funciona como uma extensão da identidade digital de uma pessoa e que foi desenhado para manter a salvo os dados biométricos únicos dos utilizadores.

Atualmente, o corpo humano está a converter-se numa chave de autenticação digital, substituindo pins numéricos e palavras-passe. Muitos serviços são agora digitais e automatizados, e, por isso, os nossos dados biométricos únicos converteram-se num elemento essencial no momento de os desbloquearmos: utilizamos a nossa impressão digital ou o nosso rosto para desbloquear o telemóvel, para fazer pagamentos e para aceder à nossa casa ou escritório. Os nossos dados biométricos são únicos: para cada pessoa no mundo existe apenas uma impressão digital, características faciais ou íris ocular, e a utilização generalizada de dados biométricos implica que eles sejam armazenados em vários locais e em condições distintas. Ao contrário das palavras-passe, se os dados biométricos forem comprometidos, eles perdem-se para sempre e não podem ser recuperados como quando perdermos a nossa palavra-passe.

E, infelizmente, este não é apenas um problema teórico. Em 2015, os escritórios de Gestão de Pessoas dos EUA (OPM) foram hackeados, o que deu origem a uma fuga de 5.6 milhões de impressões digitais. Recentemente, mais de um milhão de impressões digitais foram descobertas numa base de dados de acesso público utilizada pela polícia metropolitana do Reino Unido, negócios locais, governos e bancos. Estes dois casos pertencem a uma lista de exemplos, nos quais os investigadores demonstraram que existem esquemas de provas de conceito que permitem o roubo de impressões digitais, com ajuda de câmaras digitais e outras ferramentas disponíveis.

doc icon 191226_Proteger-a-identidade-Kaspersky-junta-se-a-designer-de-jóias-para-salvaguardar-dados-biométricos.docx